quarta-feira, 25 de agosto de 2010

strange among humans (III)

(Marlon tem os phones postos e a ouvir música. No entanto, como bom cusco decidiu baixar a música para ouvir a conversa de duas senhoras já de sua idade bastante avançada sentadas ao seu lado na paragem de autocarro. As senhoras, achando que ele não ouvia nada, continuaram a falar como se nada as rodeasse)

Ela 1 - Ai, como eu te compreendo. Às vezes parece bacalhau.
Ela 2 - Devido ao cheiro?
Ela 1 - Não! Eu cá não sofro disso. Referia-me ao facto de ficar seca como um e depois parecer que está cheio de sal.
Ela 2 - Ai credo. Já pensaste em pôr um creme aí?
Ela 1 - Já sim. Da última vez que o fiz infectou e parecia um vulcão.
Ela 2 - Ficou com algum alto?
Ela 1 - Não não, simplesmente deitou pus como se não existisse mais nada.
Ela 2 - Eu sei o que isso é. Houve uma vez que ficou de tal forma infectada que, para além de sangrar imenso quando carregava, começou a perder pele e tudo.
Ela 1 - Sim, eu sei. E o pior é que teima em não parar de crescer. Se isto não fica mais pequeno eu ainda vou ter problemas. Já nem dá para limpar com papel quando começa a sair líquido. Tenho que usar toalhetes dos dodot.
Ela 2 - Ai que horror! E o teu marido que pensa disso? O pobre coitado não fica com problemas em não te tocar?
Ela 1 - Ele? Coitado. Sabes bem que o meu $%"#%" sempre gostou de me tocar durante a noite, quando está na cama. Agora, como não me pode tocar na parte da frente usa a de trás.
Ela 2 - Como é que ele faz isso?
Ela 1 - Ora, não é preciso ser-se nenhum génio. Basta ele...
Eu (interrompendo, já depois de estar com uma cara de nojo e verde de vómito) - ...OH MEU DEUS! QUE NOJO!!! JÁ NÃO CONSIGO OUVIR MAIS!
Ela 1 (enquanto eu me afasto para longe) - Oh menino, não é preciso ter tanto nojo. Até parece que nunca deve ter tido uma borbulha daquelas horríveis no peito.

3 instantâneas:

Selma disse...

Conversa realmente um pouco... nojenta lol mas usual em paragens de autocarros e/ou transportes públicos lol mas é bem feito, começas a ouvir as conversas a meio e depois enojaste por causa de uma "simples" borbulha LOL

Ana disse...

Tu apanhas com cada conversa, que meu deus! :O
Ainda bem que eu não apanho dessas.. é que essa conversa era mesmo nojenta... já não se fazem velhinha como antigamente!

Polaroids and Cigarettes. disse...

Selma: Ora, não tenho culpa de ser uma velha cusca!

Ana: realmente já não há velhinhas como antigamente. Voltem minhotas de bigode, estão perdoadas!

Enviar um comentário